Foto: Adriano Machado/Reuters
Presidente Jair Bolsonaro (PSL) 12 de julho de 2019 | 13:41

Não estou preocupado com crítica, diz Bolsonaro sobre indicação de filho como embaixador

brasil

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse nesta sexta-feira (12) que não está preocupado com as críticas que vem recebendo desde a noite de quinta-feira (11), quando admitiu que cogita indicar um de seus filhos, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), como embaixador do Brasil nos Estados Unidos. Em uma live ao lado do apóstolo Valdemiro Santiago, fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus, e do deputado federal Missionário José Olimpio (DEM-SP), ligado à mesma igreja, Bolsonaro rebateu as acusações de que a possível indicação se trata de nepotismo e defendeu o currículo do filho. Citou, entre o que considera atributos de Eduardo, que ele fala inglês fluentemente, que já visitou a Europa e que acabou de casar. “Quanto a crítica, não estou preocupado com crítica”, disse o presidente, afirmando que parte da imprensa “está dando uma lenhadinha na gente”. “Quando ele viaja para o mundo todo, fala inglês fluentemente, fala espanhol, já foi a vários países da Europa, conhece a família do Donald Trump, tem liberdade e amizade com seus filhos, não é um aventureiro. Acabou de casar, inclusive”, disse Bolsonaro. O presidente da República afirmou que irá esperar “o momento certo” para decidir se, de fato, indicará o filho. O presidente afirmou ainda que o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, apoia a possibilidade. “Não porque é meu filho. É porque conhece o Eduardo”, disse o chefe do Executivo. Bolsonaro comparou o tratamento que um governo daria a um embaixador de carreira e ao filho de um presidente. “O tratamento é diferenciado.” O presidente também alfinetou durante a transmissão na internet os ex-chanceleres Celso Amorim (governo Lula) e Aloysio Nunes Ferreira (governo Michel Temer). “Agora, vocês querem que eu bote quem? Celso Amorim nos Estados Unidos, que é do Itamaraty?”, indagou aos internautas.

Folhapress
Comentários