Foto: Reprodução
Paulo Magalhães Jr. 13 de agosto de 2019 | 10:00

“O normal é que ele seja candidato pelo nosso lado”, ironiza líder de ACM Neto sobre Bellintani

salvador

Líder do governo na Câmara Municipal de Salvador (CMS), o vereador Paulo Magalhães Jr. (PV) denominou de “tudo é especulação” ao ser questionado sobre uma possível candidatura de Guilherme Belintani para disputar a prefeitura de Salvador em 2020. Para o vereador, a “competência” demonstrada por Bellintani tem sido o principal motivo dos convites para se filiar a partidos, inclusive de grupos da base do governador Rui Costa (PT), porém “não há nada confirmado e o normal é que ele [Bellintani] seja candidato pelo nosso lado. Ele foi um grande secretário e aprendeu a fazer política no campo do prefeito ACM Neto”, declarou o vereador durante entrevista ao programa Política na Mesa, da TV Câmara.  Magalhães também discordou que o ex-companheiro de grupo esteja se “esquerdizando”. “É inegável que foi forjado do lado desse grupo [de ACM Neto], ele não está se esquerdizando, ele está sendo cobiçado, cortejado e convidado”, ironizou o vereador, que também aproveitou a entrevista para exaltar o trabalho que vem sendo feito pelo vice-prefeito Bruno Reis (DEM) e que, segundo Magalhães, o “credencia muito e faz sair na frente na disputa pela Prefeitura de Salvador”. Bruno está fazendo um trabalho louvável pela cidade, digno de reconhecimento”, completou.

Comentários