Foto: Divulgação/Arquivo
Bispo Márcio Marinho é quem fala pelo PRB (Republicamos), segundo nota divulgada pelo partido 03 de dezembro de 2019 | 15:53

Republicanos desautoriza Geraldo Jr. e diz que continua na base de Neto; vereador fala em namoro

salvador

O Republicanos Bahia enviou nesta terça-feira (3), nota à imprensa informando que, apesar de manter bom diálogo com o presidente da Câmara de Salvador, Geraldo Júnior (SD), o partido não o credenciou para ficar à frente das negociações com vistas ao pleito de 2020 em Salvador. “Embora reconheçamos o trabalho realizado por Geraldo na capital baiana, a sigla continua na base do prefeito ACM Neto (DEM) e tem como único porta-voz o deputado federal e presidente estadual, o deputado federal Márcio Marinho”, diz o documento.

Geraldo Júnior, por sua vez, em contato com o Política Livre, confirmou que a pauta principal do debate na capital do país foram os desdobramentos para a disputa em Salvador e que o início de um namoro foi selado. “Aliás um namoro que vem lá de trás e foi interrompido quando advoguei por 15 anos para a Igreja Universal e Rede Record. Na Igreja Universal eu tenho grandes e verdadeiros amigos  e o presidente nacional é um dos meus grandes conselheiros [Marcos Pereira], e a minha conquista pela presidência desta Casa, se devo a alguém além de Deus, devo aos vereadores da igreja e ao referendo do deputado Márcio Marinho”, enfatizou.

Geraldo Júnior, ao reforçar que todo bloco partidário [PTB, SD, MDB e PSC] integra a base de Neto, anunciou ainda que até o final do ano anunciará sua saída do SD e, consequentemente, o ingresso em um novo ninho. “Até o findar de dezembro trarei grandes surpresas, porque é isso que a cidade quer. A sociedade civil espera mudanças de conceito e esse conceito estamos estabelecendo com propriedade”, não negou, reafirmando que sua candidatura para a prefeitura de Salvador em 2020 está posta.

Fernanda Chagas
Comentários