Foto: Política Livre
Moisés Rocha (PT), vereador 14 de janeiro de 2020 | 13:56

Moisés Rocha retira pré-candidatura no PT à Prefeitura de Salvador

salvador

O vereador Moisés Rocha (PT) retirou sua pré-candidatura à Prefeitura de Salvador. O anúncio foi feito, no início da tarde desta terça-feira (14), em entrevista ao programa “De Olho na Cidade”, na TV Baiana. Sua pré-candidatura fazia parte do movimento “Eu quero ela”, que defende que a capital baiana seja governada por negros, como forma de representar mais de 80% da população desta que é considerada a cidade mais negra fora do continente africano.

Segundo o parlamentar, ele agora passa a apoiar as pré-candidatas negras do PT: a socióloga Vilma Reis e a secretária estadual de Promoção da Igualdade Racial, Fabya Reis. Além delas, o PT ainda mantém outras duas pré-candidaturas: o ex-ministro Juca Ferreira e o deputado estadual Robinson Almeida (por indicação do senador Jaques Wagner). Além de Moisés, também desistiram da disputa interna para representar o partido nas eleições em outubro os deputados federais Nelson Pelegrino (licenciado e atual secretário estadual de Desenvolvimento Urbano), Valmir Assunção e Jorge Solla.

Correm por fora ainda duas “outsiders”: major da PM Denice Santiago, responsável pela Ronda da Maria da Penha, e Maria Rita Lopes Pontes, superintende das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid) e sobrinha da Santa Dulce dos Pobres. Conforme apurou o Política Livre, as duas vem sendo sondadas pelo governador Rui Costa (PT), após desistência de Guilherme Bellintani, presidente do Esporte Clube Bahia. Rui, inclusive, mesmo se recuperando de uma cirurgia, deve marcar um encontro ainda nesta semana para tentar convencer a major a se filiar ao PT para concorrer à sucessão do prefeito ACM Neto (DEM), que lançou no último dia 6, a pré-candidatura de seu vice Bruno Reis (DEM).

Raiane Veríssimo
Comentários