Foto: Live Política Livre
21 de maio de 2020 | 09:31

Live: Bruno ‘deleta’ eleição da cabeça durante pandemia e chama de ‘mesquinho’ quem explora coronavírus

exclusivas

O vice-prefeito e secretário Bruno Reis, também pré-candidato à Prefeitura de Salvador pelo Democratas, fugiu de qualquer debate político em meio à pandemia do novo coronavírus.

Durante a live promovida por este Política Livre e conduzida pelo editor Raul Monteiro na noite desta quarta-feira (20), o postulante à sucessão municipal revelou ter deletado o tema “eleição” da cabeça.

“Estou dedicando a minha energia, a minha garra e a minha disposição para trabalhar ajudando o prefeito ACM Neto neste momento. Tem que ter eleição, seja esse ano, ano que vem ou em 2022. É uma exigência constitucional. Vai chegar o momento do debate, das convenções e de quem será vice”, declarou.

“Hoje, o cenário é incerto. Ainda estamos falando em pré-candidaturas. A cidade apoia o desempenho do prefeito e quer alguém que possa fazer a cidade avançar e melhorar ainda mais”, ressaltou Bruno.

No entanto, o democrata disse que “os nomes dos adversários precisam ser confirmados para uma análise ainda mais segura”. “Mas digo que não estou pensando nisso agora”, lembrou.

“Quem estiver pensando em campanha neste momento, pelo amor de Deus, não merece estar na vida pública. Quem fica querendo explorar certos atos politicamente é ser muito mesquinho”, concluiu.

No bate-papo, Bruno também chegou a pontuar falhas do presidente Jair Bolsonaro em meio à pandemia e, ainda, sugeriu uma espécie de comissão para discutir ações de enfrentamento à doença.

Clique aqui e assista a entrevista na íntegra nas redes sociais do Política Livre.

Mateus Soares
Comentários