Foto: Divulgação
O deputado estadual Marcelo Veiga (PSB) 31 de julho de 2020 | 21:00

Marcelinho diz que “Bolsonaro continua a arriscar a vida das pessoas com aglomerações por onde passa”

bahia

O deputado estadual Marcelinho Veiga (PSB) voltou a criticar a postura do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), após flagrantes de aglomerações durante agendas, na última quinta-feira (30), em Campo Alegre de Lourdes, na Bahia, e em São Raimundo Nonato, no Piauí. Veiga diz que “a atitude do gestor continua sendo de expor as pessoas ao vírus, que já matou mais de 92 mil brasileiros”.

Nesta sexta-feira (31), o parlamentar da base do governo Rui Costa (PT) falou também que a obra entregue por Bolsonaro já tinha sido inaugurada pelo governador baiano. “A estrutura é operada pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento [Embasa] e Rui já tinha entregado isso, é porque não tem o que fazer mesmo, ou ele [Bolsonaro] gosta de ameaçar a vida das pessoas. O que vimos foram aglomerações e ninguém sabe, ao certo, o estado de saúde dele”, frisa Marcelinho.

O presidente Bolsonaro esteve no município baiano de Campo Alegre de Lourdes sem as maiores lideranças políticas do estado, o governador Rui Costa e o prefeito de Salvador ACM Neto (DEM). Sobre isso, Veiga disse que a resposta, neste caso, é bem simples: “Ambos os gestores estão, diariamente, tentando salvar vidas, e seria hipocrisia toda essa preocupação e ir para evento meramente político. Eles não devem nem ter tempo para esse tipo de diálogo”, completa.

Comentários