Foto: Isac Nóbrega/PR
André Mendonça 23 de setembro de 2020 | 06:30

Centrão bombardeia candidatura de ministro da Justiça para o STF

brasil

A candidatura do ministro André Mendonça, da Justiça, para o STF (Supremo Tribunal Federal) tem sido bombardeada pelo centrão. Políticos expressaram ao presidente Jair Bolsonaro que não têm simpatia pelo nome dele.

Um dos argumentos: André Mendonça não suportaria “meia hora de Jornal Nacional”, expressão usada por parlamentares para dizer que uma pessoa pode se dobrar facilmente à pressão da imprensa.

O nome do secretário-geral Jorge Oliveira teria maior apoio entre as principais lideranças do Congresso Nacional.

Bolsonaro tem dito que vai indicar alguém que “tome cerveja” com ele no fim de semana para a vaga que será aberta com a aposentadoria do decano da corte, Celso de Mello. É uma forma de dizer que o escolhido será de seu círculo mais próximo e leal.

Mônica Bergamo/Folha de S.Paulo
Comentários