Foto: Reprodução / Youtube
Ana Coelho (Republicanos), pré-candidata a vice-governadora da Bahia 04 de agosto de 2022 | 17:21

Ana Coelho sobre pré-candidatura a vice de ACM Neto: ‘me sinto em casa’

exclusivas

A pré-candidata a vice-governadora Ana Coelho (Republicanos) disse, durante coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (4), em Salvador, que está muito honrada feita pelo Republicanos para que ela esteja na chapa majoritária que já tinham confirmados os nomes de ACM Neto (União Brasil), pré-candidato a governador, e de Cacá Leão (PP), pré-candidato ao Senado.

“Estou muito honrada, foi uma grata surpresa, e me sinto em casa, pois trabalho com imprensa, como jornalista e com comunicação. E espero realmente contribuir e somar com esse olhar da sensibilidade da mulher […] sou mãe, tenho três filhos. Estamos fazendo isso por uma Bahia melhor. Estou aqui para isso e espero cumprir todas as expectativas”, disse a empresária Ana Coelho. “Estou aqui para honrar a Neto, a Cacá e ao partido”, pontuou.

Preconceito

ACM Neto, ao responder a um questionamento sobre comentários da oposição à sua candidatura de que a chapa apresentada nesta quinta-feira (4) seria composta por “herdeiros da elite”, ele disse se tratar de opinião preconceituosa. “Primeiro que tenho mais de 20 anos de vida pública. Na primeira eleição, em 2002, poderiam dizer que a expressiva votação que tive foi por conta de meu nome e não do meu trabalho”, disse o ex-prefeito de Salvador para quem, atualmente, isso perdeu relevância.

“Ana também pertence a uma família política, mas nem o pai, nem a mãe dela são políticos. O fato de a família ter políticos não contribuiu para a escolha do nome dela. Não quero ao meu lado, na futura gestão, quem tenha a mesma cabeça que a minha”, disse Neto sobre endossar a escolha do Republicanos de alguém de fora da política e com larga experiência empresarial.

Ele então afirmou: “Há nessa declaração enorme dose de preconceito porque, se eu apresento aqui hoje um deputado, Marcelo [Nilo] ou Zé [Ronaldo], iriam dizer que é chapa com três políticos tradicionais. É dor de cotovelo e inveja”, ironizou Neto, ao dizer que as chapas adversárias não tiveram capacidade política para construir uma chapa diversa.

Davi Lemos
Comentários